Candidatos eleitos da Juniorlândia tomam posse

Categorias: Notícia

Localizada nas dependências do Objetivo Júnior, primeira minicidade do município promove a cidadania entre os alunos

Seguindo à risca a proposta trazida também pelo slogan da instituição “onde se aprende brincando”, o Objetivo Júnior realizou no último dia 8, a cerimônia de posse dos candidatos eleitos para governar a Juniorlândia até 2018.

Entrega da faixa e a chave da mini-cidade Juniorlândia ao novo prefeito eleito

As eleições foram realizadas em outubro de 2016, e por meio do voto eletrônico os estudantes elegeram João Pedro Fernandes Andrade para prefeito, Arthur Qualhareli para vice e Clara Sbrana para ocupar o cargo de vereadora.

A escolha dos representantes do executivo e do legislativo da minicidade, localizada no interior da escola, é feita a cada dois anos, quando também ocorrem as eleições municipais e presidenciais no país.

Cerimônia de posse do prefeito, vice-prefeito e vereadora da mini-cidade Juniorlândia, localizada internamente no Colégio Objetivo Júnior.

Além dos alunos, pais, professores e diretores das unidades do Objetivo Araraquara, a solenidade também contou com a presença de autoridades, como os vereadores Edson Hell, Roger Mendes, Magal Verri, Lucas Grecco, Elton Negrini e Édio Lopes.

Ao elogiar a iniciativa da instituição, o parlamentar Édio Lopes também destacou a importância ao colocar as crianças em contato  com a verdadeira democracia. “É um projeto que tem que ser levado também para as escolas públicas, cujo espaço vem proporcionar o debate com respeito às opiniões, momento que contribui para a democracia e, acima de tudo, para a sociedade”.

O vereador Lucas Grecco ressaltou o envolvimento dos alunos no projeto e o interesse pela participação na vida pública. “Um projeto como esse vem preparar as crianças para o futuro, oferecendo conhecimentos para que elas possam ou não, optar em seguir o caminho da política”, diz.

O interesse em levar o projeto para rede municipal também foi destacado pelo vereador Roger Mendes. “É um modelo que deve ser levado para as escolas do município, criando oportunidade para a prática do exercício da cidadania desde a infância”, ressalta.

O projeto

Diferentemente de uma área de lazer, a minicidade, cujo nome é alusivo à sua população constituída exclusivamente pelos alunos do Colégio Objetivo Júnior de Araraquara foi fundada em 29 de agosto de 1996 para a aprendizagem e troca de experiências em espaços como a prefeitura, a casa, bar e mercearia, a farmácia, o correio, o banco e o coreto “Praça do Sol”.

Além de trazer leis próprias que prezam pelo amor, pela paz, o respeito aos colegas, a natureza e a valorização da criança como ser humano atuante, o Hino e Bandeira também integram o patrimônio da primeira minicidade dentro do município de Araraquara.

Deixe uma resposta